Imprimir

Muve - Museu Virtual da Educação: 06/09/21

Evento 

  Título: Oficina Pontos MIS - A caracterização no Teatro Japonês: NÔ e KABUKI com Maria Cecília

  Data: 06/09/21

  Horário: 19:00

  Segmento: Cinema

  Ingresso: Gratuito

  Recomendação: 15 anos

 


Descrição

Oficina A Caracterização no Teatro Japonês: NÔ e KABUKI com Maria Cecília  
AO VIVO via Zoom
INSCRIÇÃO: clique aqui
Vagas: 50 por cidade
Duração: 3 encontros de 2h (6h total)
Classificação: 15 anos
Público-alvo: Interessados no tema
Horário: Segunda (06/09), quarta (08/09) e sexta (10/09), das 19h às 21h

O link de acesso a aula será enviado automaticamente ao aluno no e-mail cadastrado na ficha de inscrição, assim como o certificado.

Sobre a oficina

O curso apresenta uma contextualização sobre a caracterização cênica no Teatro NÔ e KABUKI, importantes manifestações artísticas e teatrais da cultura japonesa. A partir de um panorama histórico sobre o teatro japonês, será apresentado as principais características que compõe a caracterização (figurino, maquiagem, máscaras e demais adereços) do atorem cena no teatro Nô e Kabuki. Serão analisados a caracterização de personagens estudados e a influência do traje de cena do teatro japonês em diversas manifestações artísticas do mundo. Durante o curso os alunos serão convidados e orientados a desenvolverem exercícios práticos de criação de traje de cena e/ou adereços em tamanho miniatura, que serão confeccionadas a partir de técnicas decolagem e dobradura em papel.

Objetivo

Apresentar um panorama sobre a história e evolução do teatro japonês: Nô e Kabuki;

Apresentar conceitos e características ligados à caracterização de personagens (figurino, maquiagem, máscaras e demais adereços);

Apresentar análises da evolução do traje e caracterização de personagens no teatro japonês: Nô e Kabuki;

Refletir sobre as materialidades, tecnologias e formas empregadas na construção dos trajes analisados;

Apresentar referências de trajes e adereços confeccionados a partir de materiais e técnicas diversas;

Orientar os participantes na construção de trajes de cena e/ou adereços a partir de técnicas com papel e dobradura;

Contribuir para o desenvolvimento criativo dos participantes, gerando discussões e reflexões acerca das temáticas apresentadas.


CRONOGRAMA:

Primeiro encontro
No primeiro encontro será apresentado um panorama da história da caracterização cênica (figurino, maquiagem, máscaras e demais adereços) no Teatro Nô e Kabuki no Japão. Também serão contextualizadas as características e importância do figurino para cena. Os participantes serão convidados a trabalhar na criação de um projeto (croqui) para o figurino proposto.

Segundo encontro
No segundo encontro serão apresentadas referências diversas de obras e produções inspiradas no Teatro Japonês, e de materialidades empregadas na construção de trajes e adereços. Os participantes serão convidados e orientados a trabalhar na construção do figurino/adereço criado, a partir de técnicas que utilizem o papel e a dobradura.

Terceiro encontro
No terceiro encontro trará reflexões sobre a ocidentalização no Teatro Kabuki, que desde o final do século XIX, vem sendo influenciado por produções ocidentais, passando por transformações em sua estética. Durante o encontro também serão compartilhadas as criações realizadas pelos participantes.


Materiais necessários: Papel (craft ou papel sulfite, folha de jornal), material de colorir, tesoura, cola branca.

Sobre a professora

Maria Cecília Amaral é figurinista, diretora de arte, artista educadora e pesquisadora. Investiga atualmente processos de criação no traje de cena contemporâneo. Mestranda em Artes Cênicas pela Universidade de São Paulo, tem formação acadêmica em Design de Moda pela Universidade Anhembi Morumbi e é pós-graduada em Cenografia e Figurinos pelo Centro Universitário Belas Artes e em Arte educação pela FAINC. Atua como Diretora de Arte e Figurinista do Coletivo de Cinema Transformar desde 2010, e também com a produção de arte e figurino para outros grupos e companhias da cidade de São Paulo. Responsável pela direção de arte e figurinos da série O Processo, da websérie Trailers do Cotidiano e dos Filmes: Sonhos de Liberdade, A Igreja do Diabo, A cartomante, entre outros trabalhos audiovisuais. Atuou como figurinista de espetáculos teatrais para diversas companhias e escolas, ente elas: Tricotando Palavras e Canções, Companhia Abapuru, Núcleo de Teatro Contando Histórias, Escola Nacional do Teatro, Escola de Atores Wolf Maya, entre outras. Dirigiu produções audiovisuais de turmas de formação em oficinas de figurino, cinema e arte no CFCCT (Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes) e no Programa de Iniciação Artística PIÁ. Leciona cursos de formação em figurino desde 2011, passando por diversas instituições culturais, como Casas de Cultura, Centros Culturais, Festival de Inverno da UFSJ, Ongs e para o Programa Pontos MIS (desde 2018). Fez parte da coordenação do Festival de Cinema Curta Literatura (2013) e da Mostra de Cinema Transformar Cine Rafael (2019). Atuou na equipe de jurados do Festival Curta Suzano, na edição de 2020.



     

    Rua José Bonifácio, 516, Centro
    Mogi das Cruzes/SP - CEP 08710-070

 

 
   11  4798-6900
    culturamogi@pmmc.com.br    

 
 

             

 Cultura 
   Mogi

 

Cultura Mogi

  

Theatro Vasques

  

Centro Cultural

  

Cultura Mogi

  

Cultura Mogi